Ministério Salve Samba: “A gente toca e Deus faz a diferença”

Formado dentro do movimento de Pastoral da Juventude da Igreja Católica. Fundado em 08/03/2008 o Ministério Salve Samba vem evangelizando através do seu “som” com ritmos que agitam e contagiam pessoas de todas as idades.

Sua formação inicial era a seguinte: Allan (cavaco), Adriano (vocal), Romulo (pandeiro) Valdo (surdo) e Gustavo (repic). No ano de 2009 o Ministério recebeu o convite para tocar na primeira Mikareta católica promovida pela Paróquia São Francisco de Assis de Itapagé, nesse evento contou com músicos de apoio que mais tarde tornaram-se integrantes.

Atualmente conta com 22 integrantes e um só objetivo,  EVANGELIZAR, e a cada dia buscar a conversão.

Em 2012, o Ministério chegou aos seus 4 anos. Eis aqui o testemunho daqueles que fazem parte do Salve Samba:

“Quem diria que esse chegar iniciado em 8 de Março de 2008 iria se concretizar na vida de tantos. Como toda experiência inicial de uma banda tudo começa timidamente lá mesmo no núcleo de um grupo ou espaço. Com o tempo a motivação, o empenho e a seriedade passam a fazer parte do cotidiano que tende a se tornar trabalho conforme as oportunidades surgem. Oportunidades que a até então banda (hoje Ministério) para melhor definir seu papel e ação junto ao Povo de Deus vem acolhendo e aproveitando em prol da evangelização, pois a meta principal é anunciar Cristo para todos com a alegria e disposição própria que a Juventude tem. O Ministério Salve Samba tem raízes na Pastoral da Juventude (PJ) de Itapajé mais precisamente no Grupo de Jovens Força Jovem de onde vem a maioria de seus integrantes, com o objetivo e missão de levar Cristo a Juventude por meio do ritmo conhecido como swingueira que na alegria do tocar é Deus quem faz a diferença. Nossa caminhada terrena rumo ao lar celestial é inconstante, bons momentos e contratempos todos nós temos, mas a perseverança e a confiança Naquele que nos ama é fundamental. Louvamos a Ti Senhor por este 4º ano de existência deste ministério, por todos que no decorrer desta pequena trajetória ajudam, se alegram e foram tocados pelas canções e orações que permitistes a esses jovens como instrumento vosso que são proclamarem e por fim pelo dom da vida de cada um, que a mesma motivação inicial esteja sempre presente para melhor responder o que vós tem reservado.”

Parabéns JUVENTUDE SANTA! Que Deus os abençoe!
No Bote Fé Itapajé, eles fizeram todo mundo sair do chão e dançar para Jesus. Olha só a imagem:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *